Transando com prima da esposa que nem desconfia da traição

Transando com prima da esposa que nem desconfia da traição onde a safada pode mostrar que é mais uma puta que adora uma boa foda amadora. Sou casado a 9 anos com uma linda mulher magrinha, baixinha e gostosa de seios durinhos e bunda empinada toda tesuda. Sempre tivemos uma bela vida sexual pois ela é uma taradinha na cama e faz o serviço completo. Ela adora chupar e sabe exatamente como fazer um sexo oral bem molhado e guloso. Sua buceta raspadinha é bem gulosa e está sempre louca para ser fodida com força.

O único defeito que ela tem é não curtir muito o sexo anal, como disse ela topa o serviço completo e faz bem feito porém sempre sinto que ela sente um pouco de dor e isso a incomoda.

Minha esposa tem uma prima sensacional, loirinha 22 aninhos seios fartos e o melhor de tudo bem durinhos. Por ainda não ter filho a gostosa mantém um corpão tesudo com bumbum firme e aquela cara de safada. Sabe aquelas mulheres que já na primeira vez que te olha já demonstra ser uma devassa na cama? Pois é com ela não diferente, a primeira vez que nos vimos foi em um almoço de domingo de família mesmo.

Domingão a tarde aquele sol quente e como na casa dos avós da minha esposa tem piscina ela estava perfeita. Usava um biquíni socado no bumbum, os seios praticamente gritavam para saírem pra fora. Suas cochas saradas e a barriguinha chapada a deixava ainda mais deliciosa e chamativa. A safada também é casada e nesse dia estava acompanhada do marido que por sinal tem uma cara de corno.

Em um determinado momento eu ouvi alguém me chamando ” primo trás cerveja pra sua prima aqui na piscina ” quando me dei conta ela era. Ela me olhou com uma cara de puta que me deixou maluco da cabeça, prontamente corri e busquei a cerveja. Assim que fui entrega-la ela me olhou e disse, você não vai ” entrar aqui dentro primo ” e passou as mãos nas pernas. Aquilo me deixou de pau duro na hora porém não podia entrar ali com minha esposa de olho.

Transando Com Prima Da Esposa Puta

Transando com prima da esposa que é uma gostosinha de primeira. No final do dia ela me passou seu numero do whatsapp e acabou pegando o meu na maior cara de pau. Pediu para minha esposa meu número com a desculpa que se não conseguisse falar com ela falaria comigo. Três dias depois chega uma mensagem no meu zap e era ela toda soltinha e provocante.

Foram 7 dias de muita conversa e provocações por parte dela até que marcamos de nos encontrar no centro da cidade. Ao chegar no local marcado ela estava simplesmente deliciosa. A vadia usava um vestido vermelho coladinho e um batão vermelho ferrai. Seu lábios carnudos se destacavam ainda mais e a deixava ainda mais perfeita. Assim que se aproximou de min e entrou em meu carro ela falou algo direto e reto.

Me tire desse lugar e me leve pra onde tenha uma boa hidromassagem e uma cama macia. Eu fiquei sem reação por cerca de um minuto pois a vadia foi bem direta no que queria. A levei pra um motel bacana e quando chegamos la é que ficou tudo perfeito. A vagabunda tirou a roupa e revelou assim um belo corpo todo tesudo. Tomamos um banho juntos e logo estava beijando aquela boca macia sentindo seu corpo no meu. Ali mesmo no banheiro ela se ajoelhou e começou a me chupar com muita força e vontade. A cada mamada ela repetia sempre, eu adora chupar um caralho como o seu sabia primo?

Aquilo estava me deixando maluco pois ela chupava com vontade e se revezava. Ela fica entre o caralho socado na sua boca e minhas bolas que ela mamava tudo. Não me segurei e ali mesmo acabei dando uma gozada na boca dela. Ela engoliu cada gota do meu gozo e ainda lambeu os dedinhos lambuzado de porra.

Ao sairmos do banho a vadia se deita na cama com as pernas abertas e me pediu para chupa-la. Cara aquela bucetinha era perfeita toda raspadinha e cheirosinha. Fiquei cerca de uns 20 minutos brincando com seu clitóris. Meu caralho já estava latejando de tesão novamente e ai decidi foder aquela xoxotinha linda. Assim que comecei a meter na safada pude sentir sua xota quentinha e melada de tesão. Dei início em um vai e vem que a deixou ainda mais molhadinha e aquilo a fez gemer alto. Nunca tinha vista uma puta tão escandalosa e devassa como ela na hora de ser fodida.

Quando ela ficou de quatro sua bunda redondinha ficou ainda mais perfeita para ser arrombada. Nessa hora é que ela deu mais uma prova de que é completinha e maluca por foder. Ela olhou bem pra min e falou, você vai foder meu cuzinho agora. Meu caralho foi entrando devagar nas pregas da vadia que gemia o tempo todo, seu cu é bem apertadinho. A rola entra com dificuldade de tão apertado que é. Assim que entrou todo dei início a metidas mais firmes que deixam a sem vergonha bem a vontade. A todo momento ela demonstrava uma mistura de prazer e loucura, me xingando e pedindo mais e mais. A todo momento ela gritava, me fode com força seu puto, mete com força caralho, fode esse cu vai.

Aquilo mexe com qualquer homem e a cada pedido eu socava com mais raiva até não mais me segurar e encher seu cu com porra. Foi a melhor gozada da minha vida e em breve descreverei como foi a transa na casa dela.

Contos relacionados

© Todos os direitos reservados 2022 -